terça-feira, 29 de janeiro de 2013

O temperamento - Sérgio (Reflexo de Deus)


A palavra temperamento vem do latim temperare, que significa “equilíbrio”. Esta noção está ligada à teoria dos humores de Empédocles e de Hipócrates, na qual se defende que a saúde do ser humano depende de um equilíbrio entre os elementos que compõem este mesmo ser.
Na psicologia moderna, “temperamento é entendido como uma alusão aos aspectos da hereditariedade e da construção fisiológica que interferem no ritmo individual, no grau de vitalidade ou emotividade dos indivíduos. Nesse sentido, afirma-se que os indivíduos têm uma quantidade de energia vital, maior ou menor, que lhes dará a tonalidade de seus comportamentos. Ex: indivíduos mais calmos / indivíduos mais agitados.”




Pregação - Em Deus todo temperamento pode ser transformado pela ação do Espírito Santo.
Sérgio - Com . Reflexo de Deus.
Retiro de Cura e Libertação.
12 de Janeiro de 2013 no Ginásio São Manuel em Marco_CE.
Realização: Comunidade Católica Filhos de Sião

 Através de estudos chegou-se à conclusão de que são quatro os temperamentos que dominam o homem.

Sanguíneo - Significa sangue - vida.
Na classificação dos quatros temperamentos, o sanguíneo, dentre outras características, é comunicativo, destacado e entusiasta. Por outro aspecto, é volúvel, indisciplinado e impulsivo.

Um personagem bíblico que se encaixa nesse perfil é Pedro, pelas características exibidas por ele, tais como, calor e profundidade em suas emoções e ação dinâmica, estilo vibrante, decisivo e falante. Seu estilo pessoal indicava ainda ser uma pessoa sincera, entusiasmada, companheiro para todas as horas e bastante desinibido.

Melancólico - Vem de melancolia - tristeza
A representação do Temperamento Melancólico é dada pela figura de Moisés. As passagens bíblicas demonstram suas atividades e seu estilo, indicando características deste temperamento, tais como: ser uma pessoa talentosa, abnegada e bastante perfeccionista. No entanto, ele sofria de um complexo de inferioridade que trazia à tona todas as fraquezas do melancólico. Muitas vezes, deixava-se dominar pela ira.

É representado pela sensibilidade artística, pela lealdade e pelo perfeccionismo. É um amigo leal e bastante analítico. As fraquezas que este temperamento possui, podem, de outro lado, neutralizar os pontos fortes. A tendência é que seja genioso, crítico, negativista, pessimista e até egocêntrico. Um melancólico tem a tendência natural de sacrificar-se por aquilo em que acredita. No entanto, esta característica pode conduzi-lo ao orgulho.


Fleumático - Fleuma - falta de emoção - passivo
No grupo dos Fleumáticos, o fiel Abraão se destaca. Todas as qualidades do pacífico, prático, bem-humorado, leal, calmo e eficiente, cumpridor de seus deveres, conservador em seus princípios. Deus o provou em todas as Suas promessas, mas ele permaneceu firme na fé. Todavia, ele apresentava também os defeitos desse tipo de temperamento, que são: calculista, temeroso, indeciso, contemplativo etc. Com o crescimento da sua vida espiritual e submissão a Deus, assumiu suas posições e foi liberto da incredulidade, do medo e fortalecido na fé.


Colérico - Cólera - ira - explosão (pavio curto)
O Temperamento Colérico demonstra características ligadas a uma pessoa enérgica, independente e que age de forma prática. É ilustrado pelo personagem bíblico Paulo, o apóstolo.

Sugere capacidade natural de liderança e um estilo prático em tudo na sua vida. Otimista, obstinado, sempre está pensando em algo novo e sua mente é repleta de novas ideias, sugestões, contribuições. É intelectualmente bastante ativo. Não só pensa, mas também realiza estes pensamentos.

Fonte: Wiki Canção Nova
Comentários
0 Comentários
Ultimas Notícias
Loading...
Enviar Mensagem
Aperte Esc para Fechar
Copyright © 2010 - 2017 Comunidade Católica Filhos de Sião Todos os Direitos Reservados