terça-feira, 26 de junho de 2012

Vocação catequética


Um passo dado na missão de testemunhar o seguimento a Jesus Cristo. É um chamado para uma missão especial de evangelizar. “Ser catequista é viver uma vocação característica dentro da Igreja. Ela é uma realização da vocação batismal”.

No episódio da pesca milagrosa, Jesus fala a Simão que avance para as águas mais profundas (Lc 5,4). Para a Catequese ela significa uma proposta corajosa, um pedido para que vejamos mais longe, além dos horizontes, buscando novas formas, novos métodos, novo ardor. O convite de Jesus é um desafio a nos lançarmos para o futuro, nos tornando capazes de dar novo impulso ao que já estamos realizando.

Nossa vocação de catequistas é um presente de Deus. Somos chamados porque Deus nos ama. Pensamos muitas vezes que não somos capazes de realizar nossa missão diante dos desafios e conflitos próprios do crescimento na fé . Por isso, como catequistas, é importante que diariamente confiemos em Deus através do nosso Sim, no serviço eclesial e catequético.

Quando o catequista toma consciência de que foi chamado por Deus e que foi enviado pela Igreja, pela comunidade, com certeza faz esta crescer e se transformar.

Sugestões de atividades

O catequista que cultivar a sua vocação, com certeza irá trabalhar esta dimensão com os catequizandos, especialmente nos encontros com os pequenos, adolescentes, jovens e adultos.

O tema da vocação é muito rico e não deve ser encarado como uma coleção de atividades didáticas, mas de uma dimensão fundamental da pastoral catequética. Existem várias formas de enriquecimento desta temática. Vamos sugerir algumas:

Leitura e aprofundamento dos vocacionados na Bíblia (Abraão, Moisés, Samuel, Davi, Jeremias, Maria Santíssima, os Apóstolos, ...);

Conhecimento da vida dos santos e santas da Igreja;

Dramatização, montagem de cartazes, confecção de maquetes, fantoches sobre a vida de vocacionados;

Estudo e aprofundamento sobre os sacramentos, em especial, Batismo, Matrimônio e Ordem;

Lisita a seminários, conventos, comunidades de vida;

Entrevista ou debates com casais, sacerdotes, religiosos e leigos atuantes na comunidade;

Vídeos que abordem a vida dos santos ou a questão da vocação;

Montagem de jornal mural com notícias sobre o Ano Vocacional;

Organização de festivais de música, poesia e teatro com tema vocacional;

Elaboração de feiras, gincanas e semanas vocacionais;

Pesquisa e exposição de fotos sobre vocacionados da comunidade;

Horas Santas, Vigílias, Retiros e Novenas Vocacionais;

Atividades apostólicas: visita a asilos, orfanatos, hospitais, coleta de alimento, roupas, brinquedos, material escolar para os mais necessitados.

Muitas idéias poderão surgir, nas reuniões de planejamento da catequese. Neste ano vocacional avancemos para águas mais profundas, transformando as nossas pias batismais em fonte de todas as vocações.

Toda a Igreja no Brasil está sendo chamada a participar ativamente do Ano Vocacional. Que o resultado seja um grande despertar vocacional, de modo que aumente o número de operários e operárias para a messe do Senhor.


CNBB - Texto Base – Ano Vocacional – 2003
Comentários
0 Comentários
Ultimas Notícias
Loading...
Enviar Mensagem
Aperte Esc para Fechar
Copyright © 2010 - 2017 Comunidade Católica Filhos de Sião Todos os Direitos Reservados