quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Parabéns ao nosso Pároco

"Não fostes vós que me escolhestes,mas eu que vos escolhi"
A Comunidade Filhos De Sião felicita seu sacerdócio neste dia especial. Por sua grande dedicação e amor ao transmitir a palavra de Deus, deixamos aqui nosso mais sincero agradecimento e apreço à nosso querido Padre Manoel Rômulo
 Devemos ao sacerdote, o nosso amor, honra, respeito, ajuda e obediência, porque ele é o santo homem de Deus, pai e amigo da humanidade. São Francisco de Assis disse:" Se eu encontrasse um anjo e um sacerdote, primeiro saudaria ao sacerdote e depois ao anjo ". concluindo, os anjos são amigos de Deus, o sacerdote é o próprio Deus. Sublime é a vocação sacerdotal. É uma chamada especial. Um dom divino.O Senhor escolhe o sacerdote no meio do povo, para servir e ser mediador entre Deus e o povo.

BIOGRAFIA  DE PADRE RÔMULO
 Filho de José Ribamar Rocha e D. Eugênia Castro Rocha. Nasceu em 26/02/1959, no Marco-CE. Foi batizado na Matriz de S. Manuel, aos 03 de março de 1959. Estudos: Primeiras letras, começou no Educandário S. Manuel, no Marco. Depois foi estudar no Grupo Escolar “Manuel Osterno Silva”. Em seguida, no Centro Educacional São Manuel. Em seguida, no Colégio Estadual “D. José Tubinambá da Frota”, em Sobra!. O 2° Grau foi feito no Estadual, concluindo no Colégio Sobralense. Ingressou no Seminário São José, em 31 de janeiro de 1977. Foi fazer o curso superior de Filosofia e Teologia, no seminário Provincial de Fortaleza, em 1° de março de 1979. Concluído o curso superior, recebeu o Diaconato, em 17 de dezembro de 1983, na catedral de N. Sra. da Conceição, em Sobra! – CE de Dom Walfrido Teixeira Vieira. A Ordenação presbiteral, se deu na matriz de São Manuel no Marco, em 15/12/1984, às 19h das mãos de Dom Walfrido, Bispo Diocesano, Primeira missa solene, na cidade natal, aos 16 do mesmo mês e ano. Fatores que influenciaram a sua vocação: numa visita pastoral feita por Dom Walfrido em Marco, depois da cerimônia litúrgica, Dom Walfrido pessoalmente disse ao acólito Rômulo. “Eu quero que você vá para o seminário para ser padre” Sua vida como acólito levou àquele menino, o amor da Igreja. Também a presença de Mons. Valdir repercutiu na sua alma de vocacionado.
Foi nomeado em 1985, Vice Reitor do Seminário S.José. E ao mesmo tempo, Vigário Paroquial da paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Massapê. No dia 25 de janeiro de 88, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Martinópole – CE e no dia 26 de janeiro de 1987, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Reriutaba – CE. Em 1989, foi fazer uma experiência no Convento dos Frades Franciscanos – OFM, em Pernambuco, apenas 6 meses. Isto porque precisou de uma cirurgia na coluna. Felizmente ficou curado. No dia 10 de junho de 1989, tomou posse da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Bela Cruz, como Vigário Paroquial. Cujo pároco era o Mons. Odécio Loiola Sampaio no dia 11 de fevereiro de 1990, foi nomeado pároco de Nossa Senhora da Piedade de Coreaú. Aos 25 de fevereiro de 1996, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Bela Cruz. No dia 07 de maio de 2000, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, de Meruoca e no dia 03 de fevereiro de 2000, foi transferido como pároco de sua terra natal, Marco, cujo titular é São Manuel, onde ainda hoje é Pároco.
Seu pensamento pessoal: “Eu vejo na Igreja de Cristo a continuação do mistério salvífico em cada membro que sofre, nos marginalizados e nos pobres que completam sua paixão”.

Fonte: Livro Jubileu De Prata Sacerdotal


Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Que tal deixar um comentário?

Ultimas Notícias
Loading...
Enviar Mensagem
Aperte Esc para Fechar
Copyright © 2010 - 2017 Comunidade Católica Filhos de Sião Todos os Direitos Reservados