terça-feira, 9 de agosto de 2011

O sacramento da confissão

A instituição divina da confissão é deduzida legitimamente dos textos que prometem ou conferem o poder das chaves , poder que deve ser exercido  a modo de juízo.
 "Eu te darei as chaves do Reino dos céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus."Mt 16, 18s.
Tal juízo não pode ser proferido sem a prévia manifestação dos pecados, pois um juízo prudente e sábio não pode ser proferido sem prévio conhecimento da causa e esta não pode ser  conhecida sem a confissão do penitente, visto ser ele o único que tem realmente conhecimento do próprio pecado e de sua malícia.
Não se trata apenas de declarar perdoados os pecados , vistas as boas disposições do penitente.
Em Jo 20,21ss, Jesus  declara que a missão dada aos apóstolos é semelhante à que recebeu do pai. Ora ,Cristo não apenas prega a remissão dos pecados  ou os declara perdoados ,mas perdoa-os. Portanto, assim também os apóstolos e seus legítimos sucessores (os sacerdotes) não somente declaram o perdão, mas perdoam realmente,  em nome de Cristo
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Que tal deixar um comentário?

Ultimas Notícias
Loading...
Enviar Mensagem
Aperte Esc para Fechar
Copyright © 2010 - 2017 Comunidade Católica Filhos de Sião Todos os Direitos Reservados