Formação

Notícias da Igreja

Eventos

quinta-feira, 20 de maio de 2010
Ofício da Imaculada Conceição

Ofício da Imaculada Conceição





  
INTRODUÇÃO

Em Maria está toda a plenitude de graças. Nela o Verbo de Deus, Jesus Cristo, se fez homem. Com a encarnação, Maria se fez co-redentora. Com sua vida de união com Jesus, ela se torna mestra, rainha e modelo; na morte de seu Filho Jesus, este no-la entrega como nossa mãe.

Por isso, louvemos a toda cheia de graça, Maria, a Mãe, mestra e rainha da humanidade.

          (Aprofunde seu louvor, lendo: Lc  1,26-56)



Deus vos salve, filha de Deus Pai !

Deus vos salve, Mãe de Deus Filho !

Deus vos salve, Esposa do Espírito santo !

Deus vos salve, Sacrário da Santíssima Trindade !



MATINAS    (Primeira parte do Ofício canônico - a ser rezada de madrugada)

Agora, lábios meus

dizei e anunciai

os grandes louvores 

da Virgem, Mãe de Deus



          Sede em meu favor,

          Virgem soberana,

          livrai-me do inimigo

          com vosso valor.



Glória seja ao Pai,

ao Filho e ao Amor também,

que é um só Deus

em pessoas três,

agora e sempre

e sem fim. Amém.
Hino

Deus vos salve,

Virgem Senhora do mundo

rainha dos céus,

e das virgens, Virgem.



          Estrela da manhã

          Deus vos Salve,

          cheia de graça divina,

          formosa e louçã.



Dai pressa, Senhora,

em favor do mundo,

pois vos reconhece

como defensora.



          Deus vos nomeou

          desde a eternidade

          para a mãe do Verbo

          com o qual criou



Terra, mar e céus,

e vos escolheu,

quando Adão pecou,

por esposa de Deus.



          Deus a escolheu

          e, já muito antes,

          em seu tabernáculo

          morada lhe deu.



Ouvi, Mãe de Deus,

minha oração.

Toquem em vosso peito

os clamores meus.

Oração: Santa Maria, rainha dos céus, mãe de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do mundo, que a nenhum pecador desamparais e nem desprezais, ponde, Senhora, em mim os olhos de vossa piedade e alcançai de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Imaculada Conceição, mereça na outra vida alcançar o prêmio da bem-aventurança, pelo merecimento de vosso bendito Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina para sempre. Amém.

PRIMA    (Corresponde às primeiras horas canônicas - ou às seis da manhã) 



          Sede em meu favor,

          Virgem soberana,

          livrai-me do inimigo

          com vosso valor.



Glória seja ao Pai,

ao Filho e ao Amor também,

que é um só Deus

em pessoas três,

agora e sempre

e sem fim. Amém.


Hino



Deus vos salve, mesa

para Deus ornada,

coluna sagrada,

de grande firmeza.



          Casa dedicada

          a Deus sempiterno.

          Sempre preservada,

          Virgem, do pecado.



Antes que nascida

fostes, Virgem santa,

no ventre ditoso

de Ana concebida.



          Sois mãe criadora

         dos mortais viventes.

          Sois dos santos porta,

          dos anjos, Senhora.



Sois forte esquadrão

contra o inimigo.

Estrela de Jacó,

refúgio do cristão.



          A Virgem criou

          Deus, no Espírito Santo,

          e todas as sua obras,

          com ela as ornou.



Ouvi, Mãe de Deus,

minha oração.

Toquem em vosso peito

os clamores meus.



Oração: Santa Maria, rainha dos céus, mãe de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do mundo, que a nenhum pecador desamparais e nem desprezais, ponde, Senhora, em mim os olhos de vossa piedade e alcançai de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Imaculada Conceição, mereça na outra vida alcançar o prêmio da bem-aventurança, pelo merecimento de vosso bendito Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina para sempre. Amém.



   TERÇA  (Hora canônica correspondente às nove da manhã)    



          Sede em meu favor,

          Virgem soberana,

          livrai-me do inimigo

          com vosso valor.



Glória seja ao Pai,

ao Filho e ao Amor também,

que é um só Deus

em pessoas três,

agora e sempre

e sem fim. Amém.


Hino



Deus vos salve, trono

do grão Salomão,

arca do concerto

velo de Gedeão !



          Íris do céu clara,

          sarça da visão,

          favo de Sansão,

          florescente vara,



A qual escolheu

para ser mãe sua,

e de vós nasceu

o Filho de Deus.



          Assim vos livrou

          da culpa original

          De nenhum pecado

          há em vós sinal.



Vós que habitais

lá nas alturas,

e tendes vosso trono

entre as nuvens puras.



Ouvi, Mãe de Deus,

minha oração.

Toquem em vosso peito

os clamores meus.

Oração: Santa Maria, rainha dos céus, mãe de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do mundo, que a nenhum pecador desamparais e nem desprezais, ponde, Senhora, em mim os olhos de vossa piedade e alcançai de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Imaculada Conceição, mereça na outra vida alcançar o prêmio da bem-aventurança, pelo merecimento de vosso bendito Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina para sempre. Amém.



   SEXTA  (Hora canônica correspondente ao meio-dia)    



          Sede em meu favor,

          Virgem soberana,

          livrai-me do inimigo

          com vosso valor.



Glória seja ao Pai,

ao Filho e ao Amor também,

que é um só Deus

em pessoas três,

agora e sempre

e sem fim. Amém.


Hino



Deus vos salve, Virgem,

da Trindade templo,

alegria dos anjos,

da pureza exemplo.



          Que alegrais os tristes

          com vossa clemência,

          horto de deleites,

          palma de paciência.



Sois terra bendita

e sacerdotal.

Sois da castidade,

símbolo real.



          Cidade do Altíssimo,

          porta oriental,

          sois a mesma graça,

          Virgem singular.



Qual lírio cheiroso

entre espinhas duras

tal sois vós, Senhora,

entre as criaturas.



          Ouvi, Mãe de Deus,

          minha oração.

          Toquem em vosso peito

          os clamores meus.



Oração: Santa Maria, rainha dos céus, mãe de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do mundo, que a nenhum pecador desamparais e nem desprezais, ponde, Senhora, em mim os olhos de vossa piedade e alcançai de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Imaculada Conceição, mereça na outra vida alcançar o prêmio da bem-aventurança, pelo merecimento de vosso bendito Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina para sempre. Amém.



    NOA  (Hora canônica correspondente às três da tarde)     



          Sede em meu favor,

          Virgem soberana,

          livrai-me do inimigo

          com vosso valor.



Glória seja ao Pai,

ao Filho e ao Amor também,

que é um só Deus

em pessoas três,

agora e sempre

e sem fim. Amém.


Hino



Deus vos salve, cidade

de torres guarnecida,

de Davi com armas

bem fortalecida.



          De suma caridade

          sempre abrasada.

          Do dragão a força

          foi por vós prostrada.



Ó mulher tão forte !

Ó invicta Judite !

Que vós alentastes

o sumo Davi !



          Do Egito o curador

          de Raquel nasceu,

          do mundo o Salvador,

          Maria no-lo deu.



Toda é formosa

minha companheira;

nela não há mácula

da culpa primeira.





          Ouvi, Mãe de Deus,

          minha oração.

          Toquem em vosso peito

          os clamores meus.

Oração: Santa Maria, rainha dos céus, mãe de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do mundo, que a nenhum pecador desamparais e nem desprezais, ponde, Senhora, em mim os olhos de vossa piedade e alcançai de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Imaculada Conceição, mereça na outra vida alcançar o prêmio da bem-aventurança, pelo merecimento de vosso bendito Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina para sempre. Amém.

Nota: Até aqui é uma prece de louvor exalando Maria pela sua dignidade de Mãe de Deus.

Muitos versos mostram a escolha de Deus, feita a Maria, dignificando-a como bem-aventurada criatura.

       

  VÉSPERAS  (Hora canônica correspondente ao cair da tarde)    



          Sede em meu favor,

          Virgem soberana,

          livrai-me do inimigo

          com vosso valor.



Glória seja ao Pai,

ao Filho e ao Amor também,

que é um só Deus

em pessoas três,

agora e sempre

e sem fim. Amém.


Hino



Deus vos salve, relógio

que atrasado

serviu de sinal

ao Verbo encarnado.



          Para que o homem suba

          às sumas alturas,

          desce Deus do céu

          para as criaturas.



Com raios claros

do Sol de Justiça

resplandece a Virgem

dando ao sol cobiça



          Sois lírio formoso

          que cheiro respira

          entre os espinhos

          da serpente a ira.



Vós a quebrantais

com vosso poder.

Os cegos errados

vós alumiais.



          Fizestes nascer

          Sol tão fecundo,

          e, com as nuvens

          cobristes o mundo.



Ouvi, Mãe de Deus,

minha oração.

Toquem em vosso peito

os clamores meus.

Oração: Santa Maria, rainha dos céus, mãe de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do mundo, que a nenhum pecador desamparais e nem desprezais, ponde, Senhora, em mim os olhos de vossa piedade e alcançai de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Imaculada Conceição, mereça na outra vida alcançar o prêmio da bem-aventurança, pelo merecimento de vosso bendito Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina para sempre. Amém.



    COMPLETAS    (Hora canônica correspondente ao anoitecer)   



Rogai a Deus, vós,

Virgem, nos converta.

Que a sua ira,

aparte de nós.



          Sede em meu favor,

          Virgem soberana,

          livrai-me do inimigo

          com vosso valor.



Glória seja ao Pai,

ao Filho e ao Amor também,

que é um só Deus

em pessoas três,

agora e sempre


Hino



Deus vos salve, Virgem,

Mãe imaculada,

rainha de clemência

de estrela coroada.



          Vós sobre os anjos

          sois purificada;

          de Deus à mão direita

          estais de ouro ornada.



Por vós, Mãe da graça,

mereçamos ver

a Deus nas alturas

com todo prazer.



          Pois sois esperança

          dos pobres errantes,

          e seguro porto

          dos navegantes.



Estrela do mar

e saúde certa,

e porta que estais

para o céu aberta.



          É óleo derramado,

          Virgem, vosso nome,

          e os servos vossos

          vos hão sempre amado.



Ouvi, Mãe de Deus,

minha oração.

Toquem em vosso peito

os clamores meus.

Oração: Santa Maria, rainha dos céus, mãe de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhora do mundo, que a nenhum pecador desamparais e nem desprezais, ponde, Senhora, em mim os olhos de vossa piedade e alcançai de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que eu, que agora venero com devoção vossa Imaculada Conceição, mereça na outra vida alcançar o prêmio da bem-aventurança, pelo merecimento de vosso bendito Filho Jesus Cristo, nosso Senhor, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina para sempre. Amém.
Oferecimento

Humildes oferecemos

a vós, Virgem pia,

estas orações,

porque, em nossa guia,

vades vós adiante

e, na agonia,

vós nos animeis,

ó doce Maria !  Amém.

quinta-feira, 6 de maio de 2010
Nossa Senhora de Lourdes

Nossa Senhora de Lourdes



Links para "TODAS AS 18 APARIÇÕES DE LOURDES"


1ª aparição – quinta-feira, 11 de fevereiro 1858

Santa Bernadette Soubirous redigiu de próprio punho, em sete ocasiões, a descrição da aparição, acrescentando novos detalhes em cada uma das versões. Eis um apanhado tão completo quanto possível de todos eles:

“A primeira vez que fui à gruta, era quinta-feira, 11 de fevereiro. Fui para recolher galhos secos com outras duas jovens. Quando estávamos no moinho, eu lhes perguntei se queriam ver onde a água do canal se encontrava com o Gave. Elas me responderam que sim. De lá, seguimos o canal e nos encontramos diante de uma gruta, não podendo mais prosseguir.

“Minhas duas companheiras se colocaram em condição de atravessar a água que estava diante da gruta. Elas a atravessaram e começaram a chorar. Perguntei-lhes por que choravam, e disseram-me que a água estava gelada. Pedi que me ajudassem a jogar pedras na água, para ver se podia passar sem tirar meus sapatos, mas disseram-me que devia fazer como elas, se quisesse. Fui um pouco mais longe, para ver se podia passar sem tirar meus sapatos, mas não poderia”.

Esta preocupação se explica porque Bernadette sofria de asma, e a mãe não queria que tomasse friagem. Nessa ocasião ela catava galhos secos para aquecer a mísera habitação onde sua família arruinada era constrangida a viver. Prossegue o relato:

“Então, regressei diante da gruta e comecei a tirar os sapatos. Tinha acabado de tirar a primeira meia, quando ouvi um barulho como se fosse uma ventania. Então girei a cabeça para o lado do gramado, do lado oposto da gruta. Vi que as árvores não se moviam, então continuei a tirar meus sapatos.

“Ouvi mais uma vez o mesmo barulho. Assim que levantei a cabeça, olhando a gruta, vi uma Dama vestida de branco. Tinha um vestido branco, um véu branco, um cinto azul e uma rosa em cada pé, da cor da corda do seu terço.

“Eu pensava ser vítima de uma ilusão. Esfreguei os olhos, porém olhei de novo e vi sempre a mesma Dama. Coloquei a mão no bolso, para pegar o meu terço. Queria fazer o sinal da cruz, mas em vão. Não pude levar a mão até a testa, a mão caía. Então o medo tomou conta de mim, era mais forte que eu. Todavia, não fugi. A Dama tomou o terço que segurava entre as mãos e fez o sinal da cruz. Minha mão tremia, porém tentei uma segunda vez, e consegui. Assim que fiz o sinal da cruz, desapareceu o grande medo que sentia, e fiquei tranqüila.

“Coloquei-me de joelhos. Rezei o terço, tendo sempre ante meus olhos aquela bela Dama. A visão fazia escorrer o terço, mas não movia os lábios. Quando acabei o meu terço, com o dedo Ela fez-me sinal para me aproximar, mas não ousei. Fiquei sempre no mesmo lugar. Então desapareceu imprevistamente.

“Comecei a tirar a outra meia para atravessar aquele pouco de água que se encontrava diante da gruta, para alcançar as minhas companheiras e regressarmos. No caminho de volta, perguntei às minhas companheiras se não haviam visto algo.
“– Não.
“Perguntei-lhes mais uma vez, e disseram-me que não tinham visto nada. Eu lhes roguei que não falassem nada a ninguém. Então elas me interrogaram:
“– E tu viste algo?
“Eu lhes disse que não.
“– Se não viste nada, eu também não.

“Pensava que tinha me enganado. Mas retornando a casa, na estrada me perguntavam o que tinha visto. Voltavam sempre àquele assunto. Eu não queria lhes dizer, mas insistiram tanto, que decidi dizê-lo, mas na condição de que não contassem para ninguém. Prometeram-me que manteriam o segredo.

Mas assim que chegaram às suas casas, a primeira coisa que contaram foi que eu tinha visto uma Dama vestida de branco. Esta foi a primeira vez”.



Confira todas as aparições de Nossa senhora de Lourdes neste Link  http://lourdes-150-aparicoes.blogspot.com.br/p/uma-por-uma.html


Fonte:  Lourdes e suas aparições
Palavras do Papa aos jovens

Palavras do Papa aos jovens



O Papa Bento XVI se encontrou esta tarde com mais 500 mil jovens italianos na localidade do Loreto. Em seu discurso os alentou a não ter medo de entregar-se a Cristo, o único que pode saciar autenticamente os desejos mais profundos do ser humano.Depois de aterrissar em helicóptero na cidade de Loreto, Itália, e depois de ter saudado as respectivas autoridades civis e eclesiásticas, o Santo Padre se reuniu com os jovens vindos de todas as partes do país. “Constituem a esperança da Igreja na Itália!”, foram as palavras com as quais o Pontífice iniciou seu discurso e manifestou sua alegria por “encontrá-los neste lugar tão singular, nesta noite especial, rica em orações, cantos, silêncios, cheia de esperanças e de profundas emoções

Em seguida recordou aos presentes que o motivo de sua presença se deve em última instância “ao Espírito Santo: Guiou-lhes até aqui; vieram com suas dúvidas e suas certezas, com suas alegrias e suas preocupações. Agora cabe a vós abrir o coração e oferecer tudo a Jesus“.


“Infelizmente hoje em dia, para muitos jovens uma existência plena e feliz é vista como um sonho difícil e até irrealizável”, continuou o Papa. “Muitos de seus coetâneos olham o futuro com apreensão e se fazem muitas perguntas. Preocupados se questionam: Como inserir-se em uma sociedade marcada por numerosas e graves injustiças e sofrimentos? Como reagir frente ao egoísmo e à violência que parecem prevalecer? Como dar um sentido pleno à vida?”, prosseguiu....

Ante tais incógnitas, a resposta do Papa foi direta e concreta: “Com amor e convicção repito, jovens aqui presentes, e por meio de vós, a seus coetâneos do mundo inteiro: Não tenham medo, Cristo pode preencher as aspirações mais íntimas de seu coração! Nada nem ninguém poderá jamais nos separar do amor de Deus

 Papa Bento XVI


Ultimas Notícias
Loading...
Enviar Mensagem
Aperte Esc para Fechar
Copyright © 2010 - 2017 Comunidade Católica Filhos de Sião Todos os Direitos Reservados